sexta-feira, 19 de outubro de 2012

E na biblioteca eu percebi a imensidão do mundo.


Tinha tudo ao meu alcance, todas as idéias, as histórias, as aventuras, as mentiras, o passado e o futuro, o amor e o ódio, o perigo e o crime, mas muita felicidade a cada palavra impressa nas páginas de cada livro. E esse mundo me fascinou.
Queria ali morar.
                                                             (desconhecido) 
Enviar um comentário