quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Hábitos e Métodos de Estudo


AQUI FICAM ALGUNS CONSELHOS PARA PAIS E ENCARREGADOS DE EDUCAÇÃO

(pesquisa da Internet)

Saber o Horário Escolar
    Pedir para que o aluno copie o horário da escola para si. Tenha-o sempre à mão.

Assinalar as Horas de Estudo
    Em conjunto com o seu educando, assinale nos horários (no seu e no dele) um conjunto de horas possíveis em que ele deverá estudar, em casa, para fazer os trabalhos. Recomenda-se que:

·        Se definam cerca de 14 horas distribuídas por toda a semana (incluindo Sábado e Domingo). Se tiver explicações pagas, estas podem estar incluídas nestas horas.
·        As horas escolhidas possam ser confirmadas por um adulto.
·        Ele assuma essas horas e diga aos seus amigos de brincadeiras de rua que tem obrigações e que não devem importunar durante esse horário.
Estudar, no mínimo, 6 horas em casa 
    Dessas horas, geridas ou não pelo aluno, ele deverá cumprir no mínimo 6, sendo importante:

·        Ter a certeza de que as cumpre. Se for necessário faça-o registar (na presença de um adulto) uma folha de cumprimento de obrigações, em que cumpriu as horas combinadas.
·        Ter a certeza de que as aproveita para estudar e não para fingir que estuda. 

Perguntar o que vai estudar ou o que vai fazer 
    Sempre que possível, um pouco antes de ele começar, pergunte-lhe o que vai estudar ou o que vai fazer. E no fim pergunte-lhe o que realmente fez e se cumpriu os seus deveres. Caso tenha dúvidas com a resposta, verifique se realmente estudou ou não, fazendo-lhe perguntas do livro ou do caderno, ou verificando o trabalho realizado.

Saber os dias dos Testes
    Saiba as disciplinas e os dias em que se realizam os testes e, com antecipação, verifique se há ou não maior dedicação aos estudos nessas disciplinas.

Proporcionar bom Ambiente de Estudo
    Durante as horas de estudo, proporcione-lhe um ambiente calmo, verificando que nesse período:

·        Não tenha televisão ligada;
·        Não tenha o telemóvel ligado ou outros brinquedos que o distraiam;
·        Não seja o lugar de brincadeira dos irmãos mais novos, ou de diversão de outras pessoas;
·        Não tenha contacto directo com lugares como o campo de futebol, a rua onde os amigos se divertem nas brincadeiras, etc;
·        Não tenha acesso livre à Internet. Caso seja necessária a utilização da Internet, lembre-se que o acesso à Internet deverá ser acompanhado por um adulto;
·        Não tem nenhum jogo de computador activo. Se os estudos não precisarem da utilidade do computador, então este deve estar desligado.
Obs. Um rádio ou leitor de CD ligado com um volume baixinho pode ser autorizado; estudar na cozinha só em último caso.
Fazer com que tudo esteja arrumado
O brio profissional é muito importante. Faça com que ele tenha o local devidamente arrumado e organizado, considerando as seguintes regras:

·        Os brinquedos devem ter lugar próprio e não devem estar misturados com as coisas da escola;
·        A mesa de estudo é importante. Uma mesa desarrumada, cheia de coisas não é nada convidativa para começar a estudar. Só quando está a ser utilizada é que terá o que é estritamente necessário para o estudo. Quando acabar de estudar a mesa volta a estar livre.
·        O material escolar que não está a ser utilizado deverá estar bem arrumado e organizado. Lembre-se que se os brinquedos estão a ocupar espaço de arrumação de livros, são os brinquedos que têm que ir para uma caixa e não os livros.
·        Todas as pessoas que partilham o local de estudo têm de respeitar a arrumação. 

Verificar, frequentemente, se está tudo arrumado
    É muito fácil inspeccionar um espaço arrumado/organizado, pelo que discretamente verifique se está tudo no seu lugar, pedindo que lhe empreste, por exemplo, uma caneta vermelha, o dicionário, ou uma tesoura.

Fazer com que estime os materiais escolares
    Verifique o estado de conservação dos materiais escolares, quer aqueles que andam na mochila quer outros que permaneçam em casa. Estimule-o a conservar materiais de uns anos para os outros, e até de uns irmãos para outros.

O incumprimento destas regras corresponde a castigo
    Faça saber que o incumprimento destas regras corresponderá a uma repreensão ou a um castigo, caso contrário as regras não valem nada. Seja rigoroso, não se deixe enganar. Lembre-se que se deixar o seu filho relaxar-se nos seus deveres, ele sofrerá muito mais quando lhe forem exigidas regras e responsabilidades.
Enviar um comentário