segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013

A Lenda de S. Valentim


       Valentim era um sacerdote do imperador Cláudio II. Cláudio queria constituir um exército romano grande e forte mas os romanos não se alistavam porque estavam fartos de guerras e tinham de pensar nas famílias que deixavam para trás...

  Cláudio ficou furioso e considerou isto uma traição. Então teve uma ideia: se os homens não fossem casados, nada os impediria de ir para a guerra. Assim, decidiu que não seriam consentidos mais casamentos.

Pelo que o Imperador decretou a proibição dos casamentos dos jovens.

Valentim não concordou com esta ordem do imperador e terá casado muitos casais em segredo.
  Quando foi descoberto prenderam-no e foi condenado à morte.   

Enquanto estava na prisão Valentim recebia visitas de uma bela jovem, filha do seu guarda, com quem mantinha longas conversas e de quem se tornou amigo.

No dia da execução da sentença, dia 14 de Fevereiro, por ordem do Imperador, foi decapitado, tendo deixado um bilhete à sua amada dizendo «Do teu Valentim».   

Ao que parece, essa mensagem foi o início do costume de trocar mensagens amorosas no dia de S. Valentim, celebrado no dia da sua morte, a 14 de Fevereiro do ano de 269.
Enviar um comentário